Boa Tarde! Hoje é 22 de Julho de 2018

Requerimentos da Sessão Ordinária do dia 12/03/2018

REQUERIMENTO Nº 1/2018

Senhor Presidente,

Os Vereadores infra-assinados, no uso de suas atribuições legais, requerem a V. Excia. após ouvido o Plenário, que informe a esta Casa de Leis as datas previstas para recuperação do Banco do Brasil – BB, agência bancária nº 2020-6, localizada sita a Avenida Presidente Getúlio Vargas, Centro, neste município, bem como da normalização dos serviços de atendimento a autoatendimento à população de Cruz Machado, que necessita dos serviços prestados pelo referido Banco.

JUSTIFICATIVA

O município passou por longos dias sem nenhum tipo de atendimento junto à agência local e do ocorrido até o presente momento pouco se fez para o reestabelecimento normal do atendimento a população, o que a cada dia gera inúmeros contratempos e transtornos ao povo cruz-machadense. 

Pois bem, atualmente a agência bancaria disponibilizou apenas caixas eletrônicos para movimentações financeiras, não podendo ser realizados saques em dinheiro, recorrendo assim, a “única” Agência dos Correios situada em Cruz Machado. Está que por sua vez, vem recebendo uma demanda fora do comum e atendendo cotidianamente um número exorbitante de pessoas que necessitam sacar seu dinheiro, as filas são gigantescas e a situação está beirando o caos em nosso município, muitos munícipes não conseguem sequer serem atendidos. A agência mais próxima, é responsável por suprir a dificuldade momentânea localiza-se no município vizinho de União da Vitória – Estado do Paraná  a aproximadamente 50 quilômetros, sendo inviável a maioria da clientela do BB em Cruz Machado procurar tal opção. 

Contudo, após as inúmeras reclamações advindas de usuários dos serviços bancários e observado ainda, que o respeito para com o cidadão em Cruz Machado sempre foi um dos princípios norteadores das ações deste Poder Legislativo Municipal, é que buscamos por providências na agilidade na recuperação da agência bancária situada nesse território.

Sala das Sessões, em 12 de março de 2018.

EDSON LUIS BEUREN

EZEQUIEL JUNGLES DE CAMARGO

EZEQUIEL ORTIZ DOS SANTOS

 

JOSNI LOPES

LAURO MARON

 

LUIS CARLOS MATZENBACHER

LUIS DA MAIA

MARCIO JOSÉ KWASNIEWSKI

MATEUS HOLOCHESKI

OSNI JANDIR MULHMANN

ZENO KAZIUK


 

REQUERIMENTO Nº 2/2018

Senhor Presidente,

O Vereador que esta subscreve, no uso de suas atribuições legais, requer a V. Excia. após ouvido o Plenário, esclareça oficialmente à esta Casa de Leis as seguintes informações com relação ao recalculo do IPTU- Imposto Predial e Territorial Urbano:

- Qual foi a data da adoção da formula incorreta de cobrança do IPTU?

- Em que data foi percebido o erro, por quem e que medidas adotou?

- Que medidas definitivas em relação a cobrança do IPTU não cobrado ou cobrado indevidamente, estão sendo adotadas?

Justificativa

Considerando as crescentes reclamações de IPTU encaminhadas por munícipes, as informações solicitadas servirão para elucidar as dúvidas dos mesmos, bem como para o efetivo cumprimento das obrigações de fiscalização que cabe ao Vereador no exercício de suas funções, garantidas junto aos instrumentos legais: Lei Orgânica Municipal e Regimento Interno do Poder Legislativo Municipal.

Assim, ante a relevância da matéria ora apresentada, conte com o apoio dos Nobres Pares.

Sala das Sessões, em 12 de março de 2018.

LAURO MARON

2º Secretário


 

REQUERIMENTO Nº 3/2018

 

Senhor Presidente,

O Vereador que esta subscreve, no uso de suas atribuições legais, requer a V. Excia. após ouvido o Plenário, que encaminhe à esta Casa de Leis as seguintes informações pertinentes à lei 1593/2017, aprovada em 05 de maio do referido ano, referente a contratação de operações de crédito até o limite de dois milhões de reais com a agência de Fomento Paraná, para a compra de máquinas, tais como:

- Descrição dos equipamentos adquiridos, detalhamento do valor final de cada equipamento adquirido e se todos já foram entregues à esta municipalidade.

Justificativa

As informações solicitadas servirão para o cumprimento das obrigações de fiscalização que cabe ao Vereador no exercício de suas funções, bem como, a mesma busca atender os inúmeros pedidos efetuados pelos munícipes os quais cobram providências com relação aos diversos anseios da população cruz-machadense.

Assim, ante a relevância da matéria ora apresentada, conte com o apoio dos Nobres Pares.

Sala das Sessões, em 12 de março de 2018.

LAURO MARON

2º Secretário